Porto Alegre, quinta-feira, 13 de julho de 2017. Atualizado às 16h12.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Tapumes da obra do Museu da Língua Portuguesa ganham ação artística

Os tapumes que protegem as obras da reconstrução do Museu da Língua Portuguesa ganharam nesta quarta-feira (12) uma intervenção artística ilustrada por gírias e expressões atuais como "sofrência", "quebrada", "mitar" e "truta". De acordo com a Secretaria Estadual da Cultura, a intervenção destaca o idioma como patrimônio vivo e em constante transformação a partir das novas palavras e expressões que são continuamente incorporadas ao idioma. O museu, localizado no histórico prédio da Estação da Luz, no centro do capital paulista, foi destruído no final de 2015 em um incêndio. As obras estão, atualmente, na fase de restauração das fachadas e esquadrias. A previsão para a conclusão é em 2019. Segundo a secretaria, o acervo do museu, que traz um patrimônio imaterial da língua por meio de narrativa audiovisual e ambientes imersivos, continuará sendo exposto em ações.
 

FOTO Rovena Rosa/Agência Brasil/JC